Mulher é morta após anunciar que queria se separar

Um homem é suspeito de ter matado uma mulher a facadas em Fazenda Rio Grande, na Região Metropolitana de Curitiba, na madrugada desta segunda-feira (14), de acordo com a Polícia Militar (PM). A PM informou que a Daniela Eduarda Alves é ex-esposa do suspeito.

Policiais militares foram ao local do crime depois de receber uma chamada de lesão corporal. Vizinhos contaram que houve uma briga de casal e que a mulher gritava muito dentro da casa. Minutos depois, o homem saiu com um carro, levando a filha de dois anos, conforme os relatos das testemunhas à PM.

Ao entrarem na residência, a equipe policial encontrou a mulher no chão e acinou o Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate) para prestar socorro. O Siate verificou a morte da vítima por múltiplos ferimentos feitos por arma branca.

O local foi isolado pela PM, que chamou o Institou Médico-Legal (IML) e a Criminalística. Daniela tinha 24 anos.

Preso na casa da mãe

Conforme a PM, depois do crime, o suspeito foi para a casa da mãe na capital paranaense, no bairro Sítio Cercado. O marido da mãe do suspeito ligou para a Polícia Militar avisando que o enteado tinha chegado em casa ensanguentado, alegando ter matado a esposa, ainda segundo a PM.

Policiais militares foram até a residência. Lá, encontraram o homem com ferimentos na veia femoral. Ele foi levado, em estado grave, a um hospital de Curitiba. Nesta manhã, ele seguia no hospital sob escolta policial.

Até o momento, a Delegacia de Fazenda Rio Grande não havia começado a investigar o feminicídio. Como o homem foi detido em um bairro da capital, a Polícia Civil de Fazenda Rio Grande aguardava o encaminhamento do caso para a delegacia do município.

G1

Please follow and like us:

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *