Haddad considera pacote de Moro para segurança como ” frustrante e contraproducente”

O ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, que se candidatou à Presidência da República pelo Partido dos Trabalhadores (PT) nas eleições de 2018, criticou a série de medidas apresentadas pelo ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, apelidadas de pacote anticorrupção.

O pacote de Moro legaliza a prisão após condenação em segunda instância e propõe inocentar policias que mataram em serviço. Além disso, endurece penas para corruptos e integrantes de facções criminosas.

 “Li o pacote anticrime do Moro: para quem esperava o Plano Real da Segurança, que viesse solucionar problemas relativos à criminalidade, letalidade policial, genocídio da população negra, superpopulação carcerária etc., as medidas anunciadas são frustrantes e contraproducentes”, criticou Haddad no Twitter.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *