BARRA PESADA: Vítima de três infartos e um AVC hemorrágico radialista tem alta hospitalar e morre em casa duas horas depois

 

Morreu na noite desta sexta-feira (9) em Campina Grande (PB) o radialista Zé Nilton (o Barra Pesada). Recentemente ele havia sofrido três paradas cardíacas e um AVC hemorrágico, quando estava na cidade de Puxinanã (PB) sendo socorrido imediatamente para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, onde estava por mais de uma semana.
Depois de alguns dias na Ala Vermelha, onde ficam os pacientes que precisam de mais cuidado e atenção, Barra Pesada foi transferido para a enfermaria e apesar de ainda apresentar sequelas devido aos problemas de saúde, vinha recebendo visitas de amigos e familiares e aparentemente se recuperando bem.
No final da tarde desta sexta-feira, por volta de 16h ele recebeu alta hospitalar e foi levado pelos familiares pra sua casa, no bairro do Monte Santo. Cerca de duas horas depois (por volta de 18h) Zé Nilton reclamou de dores de cabeça e logo em seguida teve mais um infarto e morreu, conforme relato da família.

Toda a imprensa paraibana, em especial a campinense, foi tomada de surpresa com a morte do radialista, já que todos já se mobilizavam para uma campanha em prol de Barra Pesada e estavam alegres com sua recuperação e alta médica.
A Associação Campinense de Imprensa (ACI), Associação Paraibana de Imprensa (API) e o Sindicato dos Radialistas do Estado da Paraíba lamentam o ocorrido e já emitiram nota de pesar pelo falecimento do profissional de imprensa. Confira:

NOTA DE FALECIMENTO

RADIALISTA ZÉ NILTON (O BARRA PESADA)

É com profundo pesar que a Associação Campinense de Imprensa (ACI), a Associação Paraibana de Imprensa (API) e o Sindicato dos Radialistas da Paraíba comunicam o falecimento do radialista Zé Nilton (o Barra Pesada) ocorrido na noite desta sexta-feira (9) em Campina Grande (PB).

As diretorias das três entidades citadas lamentam profundamente a partida prematura do amigo, pai, companheiro, solidário e grande profissional conhecido, admirado e respeitado por todos da imprensa e no meio social paraibano.

“Barra Pesada” deixa seu legado no rádio policial campinense, como profissional zeloso e competente. Homem de fibra e de caráter ilibado, profissional exemplar e sempre respeitado por todos que tiveram a honra de acompanhar seu admirável trabalho por onde passou.

O velório está acontecendo na Central Sempre (na Rua Pedro I, em frente ao Hospital Pedro I) e o sepultamento está marcado para às 16h deste sábado (10) no Cemitério do Monte Santo.

Aos familiares do radialista Zé Nilton (o Barra Pesada) nossas sinceras e sentidas condolências, rogando a Deus que lhes dê forças para superar este difícil momento.

Associação Campinense de Imprensa – ACI
Associação Paraibana de Imprensa – API
Sindicato dos Radialistas do Estado da Paraíba

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *