Salão do Artesanato acontece nesta terça-feira e conta com a presença do Governo do Estado e Empreender Paraíba

 

 

O programa Edil Francis recebeu, na manhã desta segunda-feira (11) a presença da Secretária Executiva do programa Empreender Paraíba, Amanda Araújo. Acompanhada de sua assessoria e da pré-candidata à Deputada Federal pelo Podemos, Ana Cláudia Nóbrega Vital do Rego, Amanda falou inicialmente sobre a participação do Empreender na vigésima oitava edição do Salão do Artesanato de Campina Grande, cuja abertura vai acontecer nesta terça-feira, 12 de junho, a partir das dezenove horas.

Incialmente conversamos com Ana Cláudia que falou do orgulho de acompanhar todas as ações do Governo do Estado com o Empreender, esforço esse que vem alavancando o turismo e a cultura na Paraíba. “Cidades como Campina Grande, Santa Luzia, Patos, Bananeiras que promovem seus eventos e isso significa avanço no que se refere ao turismo e o esforço do Governo do Estado em fortalecer voos diretos para Campina Grande, viabilizando, portanto, o fluxo de turistas da melhor forma, podendo assim percorrer o Estado e prestigiar os festejos juninos de suas cidades”, destacou.

Ao encerrar suas palavras, Ana Cláudia fez menção ao momento pelo qual o país irá passar, que são as eleições, quando serão escolhidos o Presidente da República, Senadores, Deputados Federais e Estaduais, De acordo com ela, “teremos um ano de definições importantes para o nosso país, até porque no mês de outubro serão realizadas as eleições e é importante que o brasileiros estejam atentos a tudo isso que está sendo vivenciado, aos gestores e as suas formas de atuação para que possamos fazer excelentes escolhas”, finalizou.

 

Empreender Paraíba

Em sua participação dentro do programa Edil Francis, Amanda Araújo começou falando sobre a presença do Empreender Paraíba dentro do Salão do Artesanato, que será aberto próxima terça-feira, 12 de junho, a partir das dezenove horas, evento esse que faz parte do calendário junino de Campina Grande. “Estaremos com o box para esclarecer dúvidas, fazer renegociação, aprovação de crédito, prestar um assessoramento aos artesãos expositores, ações que fomentam a economia no período de janeiro, em João Pessoa e no São João aqui em Campina Grande”, frisou.

“Temos muitos turistas que querem ter acesso, querem conhecer a cultura local e o Salão do Artesanato propicia isso de forma materializada, onde as pessoas possam levar um pouco dessa terra boa e acolhedora que é a Paraíba para seus Estados e/ou seus países, afinal, a festa é visitada pelo mundo inteiro, tanto quanto as praias que são atrativos para visitantes de diversos países”, enfatizou.

Segundo a Secretária, o programa vai estar entregando mais de duzentos mil reais em créditos paras cidades de Campina Grande, Alagoa Grande e Alagoa Nova e “estaremos lá na abertura do vigésimo oitavo Salão do Artesanato com o Governador Ricardo Coutinho nessa grande festa do artesanato e do empreendorismo também”, destacou.

Amanda informou também que, na ocasião, serão entregues 40 novos contratos, além da prestação de assessoramento aos mais de 400 artesãos que vão estar lá expondo seus produtos. Ela também esclareceu que “quem tiver inadimplente com o programa vai ter oportunidade de fazer o acordo legal lá no salão através de uma equipe do Empreender que vai estar pronta para prestar todas as informações e fazer com que essa pessoa torne adimplente e possa gozar de todos os benefícios que o programa para os empreendedores paraibanos”, esclareceu.

“Para se ter uma ideia, aqui em Campina Grande, nós já atendemos mais de 1.700 pessoas, depositando nessa economia mais de doze milhões de reais e quando passamos para os municípios circunvizinhos, nós ultrapassamos mais de 3.400 contratos, o que corresponde mais de vinte e dois milhões de reais, girando uma economia de fato dentro da pirâmide da base de créditos do Empreender Paraíba”, salientou.

Para se abrir uma linha de crédito com o Empreender segundo explicou Amanda, são disponibilizados os seguintes valores:

* Para o profissional pessoa física, o valor inicial é de quinze mil reais;

* Para o profissional liberal, trinta mil reais;

* Para o profissional pessoa jurídica, o valor é de cem mil reais

* Cooperativas de crédito, o valor chega à quinhentos mil reais.

Para se obter uma linha de crédito através do Empreender, Amanda esclarece que as inscrições devem ser feitas pela Internet. “O programa respeita o Orçamento Democrático Participativo, são organizadas por regiões, sem gerar demanda reprimida e a divulgação é feita no local, através de emissoras de rádio”.

A Secretária do Empreender orienta a quem interessar tornar-se um associado da seguinte forma: os inscritos participam de uma capacitação inicial, em seguida fazem um plano de negócios onde vão poder explanar sobre o seu negócio, após isso será feita uma análise de crédito através de uma tabela similar a de um banco, que tem por objetivo verificar a capacidade de pagamento e de endividamento do mutuário interessado para posterior liberação do crédito.

“No mais o básico, ter vontade de trabalhar, uma boa ideia ou potencializar a que já esteja em funcionamento”, concluiu.

FENEMP

Sobre a FENEMP, a menina dos olhos do Empreender Paraíba, que já aconteceu em quatro municípios do Estado, todos eles com expositores parceiros do programa e que obtiveram sucesso, Amanda Araújo informou que a FENEMP, além de ser uma feira de negócios, os expositores, assim como os próprios visitantes, “podem se inscrever em capacitações, em workshops e minicursos para aprender novas ferramentas, novas técnicas ou até mesmo oficinas manuais”.

De acordo com a assessoria do programa Empreender Paraíba, a FENEMP é uma Feira de Negócios e Empreendedorismo da Paraíba que parte do interesse de ampliar o pensamento empreendedor dos paraibanos através de palestras, oficinas e workshops.

A feira também visa abrir espaço para promover e partilhar experiências empreendedoras entre os contemplados do programa Empreender. Na edição de 2017, ocorrida em João Pessoa, São Bento, Bananeiras e Monteiro, o evento reuniu mais de 180 expositores cases de sucesso do Empreender das mais diversas áreas comercializando os seus produtos e serviços.

Em maio de 2018, Guarabira foi o primeiro município a sediar o evento. As próximas edições deste ano acontecerão em Picuí no mês de julho, Campina Grande em agosto e Itaporanga, sendo finalizada no mês de novembro.

 

 

Magali Souto Maior

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *