Policial Federal acusado de balear empresário em clube de CG é preso

O Polícia Federal aposentado acusado de atirar em empresário, na tarde deste domingo (8), no Clube Campestre de Campina Grande, está detido na sede da Instituição. O crime teria ocorrido após uma briga gerada por ciúmes. A vítima foi atingida por pelo menos três tiros,

Informações dão conta que o atirador agiu por ciúmes da sua esposa. Suspeito e vítima seriam conhecidos e estavam na mesma mesa.

A vítima foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), e levada para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *