Presidente do PSDB: Governo Temer caminha para a “ingovernabilidade”

Foto: Agência Senado O dirigente do principal partido aliado a Temer fez também um aceno a Rodrigo Maia (DEM-RJ). O presidente da Câmara assumirá interinamente o Palácio do Planalto caso a denúncia de corrupção passiva contra Temer seja aceita pelos deputados. Embora tenha dito que é “precipitado” falar em nomes para uma eventual transição, Tasso avalia que Maia poderia garantir governabilidade ao País até a eleição de 2018.]]>