Presidente da ALPB avalia decisão do governador e revela seu futuro político