Governador anuncia pacotes de obras e Campina é contemplada com Centro de Convenções, pavimentação de ruas e ações no Amigão

O Governo da Paraíba apresentou nesta segunda-feira (6) um plano de investimento em obras públicas para reativar a economia da Paraíba e ajudar na criação de emprego após a crise econômica causada pela pandemia do coronavírus. O pacote prevê 203 obras públicas e um investimento de aproximadamente R$ 798,8 milhões, sendo R$ 601,7 milhões de recursos próprios e outros R$ 197,1 milhões de recursos federais.

De acordo com o programa de investimento, são 32 obras com ordem de serviço para início imediato, outras 41 obras que estavam licitadas, mas paradas devido à pandemia, e mais 130 novas que devem ser licitadas dentro do planejamento de reativação da economia.

O governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania), explicou que o investimento nas obras públicas são necessárias porque a Paraíba precisa voltar crescer seus indicadores de emprego e renda.

“Mesmo o estado tendo uma queda de receita, principalmente em março, abril e maio, sabemos que a economia vai dar resposta. Vamos dar início esse novo plano por conta do fluxo de caixa que o governo da Paraíba tem. Se hoje falamos em investimento, foi porque lá trás a gente falou de saúde”, comentou.

Principais obras do programa

  • Construção de 1654 unidades habitacionais nas cidades de João Pessoa, Santa Rita, Patos Aparecida e Monteiro;
  • Construção de Centros Integrados de Comando e Controle em João Pessoa, Campina Grande e Patos;
  • Construção do Hospital da Mulher em João Pessoa;
  • Construção do Centro de Convenções de Campina Grande;
  • Construção do novo aeroporto de Patos;
  • Construção do Parque Linear Parahyba III em João Pessoa

Ainda de acordo com João Azevêdo, as outras 167 obras que já estavam em execução no estado antes da pandemia seguem normalmente. “Eu sei que ainda não passou [a pandemia], mas acredito que o pior já passou. É por isso que podemos estar nesse momento falando de obras, de novas licitações”, explicou João.

Obras em mobilidade urbana

  • contorno de Bananeiras (R$ 7,9 milhões);
  • PB-148, que liga São José dos Cordeiros a Livramento (R$ 19,8 milhões);
  • PB-160, que liga Barra de São Miguel até a divisa com Pernambuco (R$ 6 milhões);
  • acesso à Cachoeira dos Guedes, em Guarabira (R$ 3,1 milhões);
  • acesso à comunidade São Tomé, em Alagoa Nova (R$ 2,7 milhões);
  • acesso à comunidade de Malhada da Rosa, em São João do Cariri (R$ 2,6 milhões)
  • travessia urbana de Itabaiana (R$ 3,4 milhões);
  • travessia urbana Pitimbu-Acaú (R$ 1,3 milhão);
  • travessia urbana Cubati (R$ 854 mil);
  • travessia urbana Coremas (R$ 577 mil);
  • travessia Barra de Santa Rosa/Damião/Logradouro (R$ 2 milhões);
  • pavimentação de ruas em Campina Grande (R$ 1,7 milhão) e Picuí (R$ 1,2 milhão);
  • obras da PB-395: Santa Helena/entrocamento PB-393 (R$ 3,1 milhões);
  • obras da PB-100: Fagundes/Queimadas (R$ 13 milhões);
  • travessia urbana de São Mamede (R$ 2,3 milhões);
  • construção de ponte em concreto armado para travessia de veículos e pedestres nos loteamentos Raimundo Suassuna e Acácio Figueiredo, em Campina Grande (R$ 547 mil);
  • recuperação da ponte sobre o Rio Piranhas – PB-293: São Bento (R$ 4,3 milhões);
  • travessia urbana de Alagoa Grande (R$ 1 milhão);
  • requalificação de vias urbanas em Sousa (R$ 3,9 milhões);
  • acesso à Ciretran de Cajazeiras (R$ 1,8 milhão).

Obras na gestão de águas

  • esgotamento sanitário do Cidade Verde e do Polo Turístico Cabo Branco (R$ 44 milhões) em João Pessoa
  • sistema de abastecimento d´água de Santa Inês (R$ 3 milhões);
  • sistema de abastecimento d´água de Santa Inês (R$ 3 milhões);
  • reassentamento e detalhamento do projeto executivo das barragens Camaratuba e Gurinhém (R$ 3,2 milhões).

Educação

O programa estadual prevê melhorias na estrutura do prédio da Biblioteca Pública Estadual Augusto dos Anjos, em João Pessoa, um investimento de R$ 480 mil. Dentre as obras que serão autorizadas para licitação na área, estão incluídas a ampliação de 68 escolas, com a construção de blocos de laboratórios; e 12 novos ginásios. Já estão em processo licitatório a ampliação de sete escolas, com a construção de blocos de laboratórios, e três novos ginásios.

Esportes

O programa de obras públicas também prevê intervenções nos Estádios Amigão, em Campina Grande; Perpetão, em Cajazeiras; e Almeidão, em João Pessoa; com a construção dos sistemas de proteção contra incêndio para os centros esportivos, um montante de recursos que somam mais de R$ 1,1 milhão. A Rainha da Borborema ainda ganhará a Estação da Cidadania, um investimento de R$ 1,3 milhão. Em Catolé do Rocha será construído um campo de futebol (R$ 850 mil), e em Logradouro será realizada a iluminação do campo de futebol (R$ 185 mil).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *