Bruno visita ‘Casa da Criança’ em CG, mas esquece dos quase oito anos que gestão Romero abandonou as entidades filantrópicas

Seguindo a lei de Newton que diz que ‘toda ação há sempre uma reação oposta e de igual intensidade’, a recente visita do candidato do PSD a prefeitura de Campina Grande Bruno Cunha Lima, que representa o modelo de gestão do prefeito Romero Rodrigues (PSD), a Casa da Criança Doutor João Moura, no bairro de São José, divulgada por meio das suas redes sociais (https://www.instagram.com/p/CFibDHVJJLz/), onde supostamente diz que apoiará a entidade filantrópica, contradiz com os quase oito anos de desrespeito aos repasses das subvenções às 15 entidades filantrópicas conveniadas com o poder público municipal na cidade.

Ao afirmar que reconhece a importância da à Casa da Criança Doutor João Moura, que atende mais de 200 crianças, Bruno em nada se pronunciou sobre os quase oito anos de silêncio, quando a prefeitura atrasou os repasses das subvenções. Repasses esses que são garantidos pela Lei nº 9.995, de 10 de setembro de 2018, que autoriza a concessão das subvenções no período de agosto de 2018 a dezembro de 2020. Por diversas vezes representantes das entidades filantrópicas da cidade, foram aos meios de comunicação apelar ao prefeito o seu direito garantido por lei.

Recentemente a secretária da Casa da Criança Doutor João Moura, Maria Betânia de Sousa Barros, afirmou: “A gente gostaria muito que o poder público desse uma participação maior na parte técnica, pois temos escassez de funcionários”, disse. https://paraibaonline.com.br/2019/03/secretaria-da-casa-da-crianca-doutor-joao-moura-faz-apelo-por-doacoes/

Noutra oportunidade, os representantes das entidades que atuam em diversas áreas da promoção humana, como Tratamento de Dependentes Químicos; Assistência aos Idosos; Assistência a Pessoa com Deficiência; Assistência aos Doentes do Câncer; Assistência a Criança e ao Adolescente; Assistência aos Moradores de Rua e vários outros grupos de pessoas vulneráveis socialmente, foram à imprensa cobrar uma postura do prefeito no tocante aos constantes atrasos nas subvenções. Confira: https://paraibaonline.com.br/2019/09/subvencao-atrasa-e-instituicoes-precisam-de-doacoes-para-sobreviver-em-cg/

Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *